terça-feira, 24 de outubro de 2017

Cristiano Ronaldo é eleito melhor jogador do mundo

Cristiano Ronaldo é o melhor jogador do mundo em 2017. O atacante do Real Madrid chegou ao quinto título, se igualando a Messi. O português, que já havia sido premiado em 2008, 2013, 2015 e 2016, concorreu com outros dois finalistas de peso: Messi e Neymar. O anúncio e a premiação aconteceram em festa de gala da Fifa, em Londres. Comedido, o português, que participa da premiação pela 11ª vez consecutiva, iniciou o discurso de agradecimento no seu idioma de origem e, depois, falou algumas palavras em inglês. "Quero agradecer meus companheiros, meu time, o Real Madrid, os companheiros de seleção. Foi um ano extraordinário. Onze anos que estou aqui no palco. Talento, trabalho duro. É claro que obstinava troféus coletivos e individuais também. Esse troféu é para vocês, minha família, minha namorada, meu filho. Agradecer também Eva e Mateo (os outros filhos do craque), que estão em casa. Vou ser pai outra vez. Estou muito feliz. Obrigado a todos", disse CR7, sem o seu famoso "síiii", grito que o atacante dá ao fazer gol ou ao vencer um jogo. CR7 teve uma temporada vitoriosa com clube e seleção. Pelo Real Madrid, conquistou o Campeonato Espanhol, a Liga dos Campeões da Europa e o Mundial de Clubes. Ainda conduziu Portugal ao inédito título da Eurocopa. Com 43,16% dos votos, o português venceu a concorrência sempre severa do argentino, craque do Barcelona, que terminou em segundo, com 19,25%, e também de Neymar, terceiro, com 6,97%, num total de 24 candidatos. O brasileiro teve um percentual um pouco menos de 2015, quando também foi terceiro, com 7,86%. Desta vez, a Fifa levou em consideração boa parte da temporada 2016/17, entre 20 de novembro e 2 de julho. A data é específica em função da mudança de data da premiação – antes, acontecia em janeiro e contabilizava o ano corrido. A atual já será de agosto a julho, como é disputada a temporada europeia. Neste período, Cristiano Ronaldo marcou 40 gols em 39 jogos por Real Madrid e seleção portuguesa. Foi fundamental na reta final, tendo feito incríveis 10 gols nos cinco jogos finais da Liga dos Campeões, sendo dois na decisão contra a Juventus. Os gols acompanharam os troféus: os merengues ganharam a Liga dos Campeões e também o Espanhol, além do Mundial de Clubes em dezembro passado. Um ano quase dos sonhos para Cristiano Ronaldo e o Real Madrid. - Quero agradecer aos meus companheiros, ao meu time (Real Madrid), aos meus companheiros de seleção também. Foi um ano extraordinário. É a 11ª vez que estou aqui (contabilizando a presença na seleção do ano). Talento, trabalho duro, dedicação e obviamente algo que em ambicionava, ganhar troféus coletivos e individuais - disse o jogador, no palco do London Palladium, na capital inglesa, num misto de português e inglês. Ele também agradeceu à família, citando os filhos, e às presenças de Messi e Neymar. - Há pouco tempo fui pai outra vez e serei daqui a um mês. Obviamente é um momento único na minha carreira, estou muito feliz e obrigado a todos. O júri foi composto por todos os técnicos e capitães das seleções masculinas (computados 303, sendo 152 dos treinadores e 151 dos atletas), um jornalista de cada país representado na Fifa (156 ao todo) e por torcedores registrados no site da Fifa. Cada um desses quatro grupos de votos teve o mesmo peso na eleição (25%).
Share this article
 
Copyright © 2014 BLOG DO RICKY • Some Rights Reserved.
Template Design by RICKY MEDEIROS • Powered by Blogger
back to top