sábado, 11 de fevereiro de 2017

Quem faz mais sexo: os homens solteiros ou comprometidos? A ciência responde

Os homens comprometidos têm a ilusão de que a vida de solteiro é uma orgia romana por dia. Sexo até a exaustão, com uma variedade gloriosa de parceiras, de segunda a domingo. Na teoria, é tudo muito bonito. Só que na prática, as coisas não são exatamente assim. Muito pelo contrário. Se você tivesse que dar um palpite, diria que os homens solteiros ou comprometidos transam mais? A ciência tem a resposta. E ela talvez te surpreenda. Um estudo de 2010 realizado pela Universidade de Indiana investigou os hábitos sexuais de 5,865 pessoas. Nada menos do que 61% dos solteiros não tinham feito sexo nos últimos 12 meses, contra apenas 18% dos casados. Que seca, hein? Na faixa de idade entre 25 e 59 anos, 25% dos casados afirmaram transar de 2 a 3 vezes por semana, contra menos de 5% dos solteirões. A pesquisa não coletou dados suficientes para comparar a vida sexual de quem está namorando. Mas qualquer pessoa num relacionamento sabe que o fogo na cama vai esfriando com o passar do tempo. Sendo assim, dá para deduzir que se os homens casados fazem mais sexo do que os solteiros, os namorando fazem ainda mais. Moral da história? Se você está num relacionamento e tem vontade de cair na solteirice para viver na farra, pense duas vezes antes de fazer isso. Porque o resultado, provavelmente, será uma vida sexual bem menos ativa do que você tem hoje. Para o psiquiatra Alexandre Saadeh, ser solteiro até pode significar maior disponibilidade para o sexo. Mas isso nem sempre acontece, pois tudo depende de uma variedade de fatores. “Um homem solteiro ou separado, de trinta e poucos anos, que tenha um bom rendimento financeiro e um local para transar, certamente consegue mais parceiras do que um homem tímido sem os mesmos atributos”, diz Saadeh. “A mulher solteira predisposta ao sexo casual, por sua vez, pode assustar os pretendentes.” A totalidade dos especialistas, contudo, afirma que a preocupação deveria ser maior com a qualidade, não com a quantidade das relações. E aqui, de novo, casais com algum nível de comprometimento também levam vantagem. Segundo o psicólogo Flavio Gikovate, especialista em relacionamentos, quem namora firme tende a ter a vida sexual mais satisfatória de todas, pois não sofre com a rotina do casamento, nem com a falta de intimidade característica do sexo sem compromisso. “Quando são íntimas, as pessoas conversam mais, estabelecem vínculos, e isso deixa o sexo melhor”, afirma Gikovate. “No casamento, essa intimidade existe, mas ela pode ser severamente afetada por preocupações de ordem financeira ou pela chegada de filhos.” Use camisinha e divirta-se. Fontes: Site El Hombre/UOL e Editora Abril
Share this article
 
Copyright © 2014 BLOG DO RICKY • Some Rights Reserved.
Template Design by RICKY MEDEIROS • Powered by Blogger
back to top