sexta-feira, 6 de novembro de 2015

Spotify libera novas funcionalidades e informa que América Latina teve crescimento similar ao de países da Europa

O Spotify é um dos serviços de streaming de música mais utilizados do mercado, apesar de a Apple ter revelado sua própria versão da plataforma, o fundador da empresa demonstrou que não ficou impressionado com a novidade. Mas a companhia não pode se dar ao luxo de não competir com a Maçã, é justamente por isso que ela precisa continuar oferecendo novidades para manter os usuários e conquistar novos. O Spotify liberou mais uma funcionalidade, e dessa vez foi discretamente e sem revelar para ninguém. Agora os usuários do serviço podem utilizar a “máquina do tempo” para descobrir antigas músicas que se adéquem aos seus estilos musicais. A funcionalidade é bastante simples, é só acessar o site dedicado ao novo recurso e clicar em “Taste Rewind” e a plataforma irá sugerir uma playlist com base nas músicas que você está escutando no momento. Depois que os usuários entrarem no site será necessário escolher três artistas que adoram, após essa pegunta a plataforma criará cinco listas, dos anos 60, 70, 80, 90 e 2000. Após completar esse passo é possível ouvir as músicas, ou se desejar, compartilhar ou salvar na sua conta. Graças ao investimento de US$ 100 milhões feitos em 2012, o serviço Spotify não para de crescer no mercado. Só na América Latina, o rendimento mensal equivale a 15% do total da receita da empresa. Esse constante crescimento vem chamando a atenção dos idealizadores do serviço que pretendem dar mais atenção ao mercado latino, incluindo o Brasil. Outro país que também mostrou grande crescimento no último ano foi o México que está entre os cinco principais em consumo de músicas do serviço de streaming. Se continuar neste ritmo, deverá superar a Alemanha em pouco tempo, como foi informado nesta semana durante a eMerge Americas, uma conferência de tecnologia em Miami, nos Estados Unidos. O Spotify registrou a marca de 15 milhões de assinantes pagantes com um total de 60 milhões de usuários ativos em todo o mundo. Eles acreditam que apostar em preços justos aliados aos pacotes oferecidos por operadoras poderá atrair ainda mais usuários para a modalidade paga na América Latina. Só para se ter uma ideia, enquanto nos EUA é cobrado US$ 9,99 pelo serviço, em países como Brasil e Argentina o preço chega a ser quase metade. Atualmente, a companhia está fechando uma parceria com operadoras da América Latina para oferecer acesso mais amplo nos planos pós-pago. Isso poderia implicar em fazer streaming de música sem esgotar o pacote de dados rapidamente. Não ficou claro quais os países que estão dentro deste acordo, mas esta seria uma novidade muito interessante para os brasileiros que sofrem com o corte de internet após o consumo da franquia. O popular serviço de streaming de música que mata aos poucos a popularidade do rádioo FM, atingiu a marca de 15 milhões de assinantes mensais e 60 milhões de usuários ativos. Em maio do ano passado, o Spotify contava com 10 milhões de assinantes e 40 milhões de usuários ativos. Isso representa um crescimento de 50% na base de assinantes e no total de usuários, em menos de um ano. Provavelmente este crescimento se deve às promoções que o Spotify fez no final de 2014, quando ofereceu três meses de assinaturas por R$4,99. O popular serviço de streaming de música atingiu a marca de 15 milhões de assinantes mensais e 60 milhões de usuários ativos em 2015. Com a competitividade entre os serviços de streaming de músicas e, principalmente, a suposta ameaça da Apple em querer acabar com os planos gratuitos, cada vez mais é necessário buscar um diferencial para atrair mais ouvintes e, assim, manter os contratos com os artistas e gravadoras. O Spotify, uma das plataformas mais utilizadas, já anunciou uma iniciativa em parceria com a rede Starbucks nos EUA, que deverá ajudar a ganhar alguns usuários premium. Agora, a empresa divulgou um novo recurso que vai oferecer aos praticantes de corrida e cooper uma nova experiência em suas atividades. Os corredores agora poderão usar a nova funcionalidade do Spotify para obterem músicas selecionadas de acordo com o ritmo de suas corridas. O aplicativo vai detectar a velocidade dos passos dos usuários e selecionar as canções que se encaixam perfeitamente com a corrida. Essa sem dúvida é uma excelente ideia que vai animar bastante os entusiastas de atividades físicas que não abrem mão de um acompanhamento musical durante os exercícios. O Spotify também anunciou uma parceria com a Nike e o RunKeeper para trazer esse recurso aos seus aplicativos ainda este ano. Isso significa que os aparelhos Android deverão ser capazes de executar a função. A plataforma de streaming não pretende parar por aí em seus planos de fazer parte dos momentos diários dos usuários. Além do Running Mode, o serviço também vai oferecer outros três elementos: A trilha sonora perfeita para qualquer parte do seu dia Novos tipos de conteúdo Melhor experiencias com soluções inovadoras As intenções de criar a "trilha sonora da sua vida" estão trazendo recursos que farão o Spotify aprender cada vez mais sobre seus usuários, a fim de trazer as músicas ideias para o momento em que o ouvinte acorda, vai para o trabalho, faz o seu cooper, entre outras atividades, e criar playlists em tempo real. Embora a ideia não seja exatamente uma novidade, os serviços concorrentes parecem não se dedicar muito a escolher as músicas ideias para cada momento. Considerando que o Spotify tem investido nessa abordagem, podemos esperar por um bom avanço nesse sentido. Além disso, o Spotify pretende expandir seus serviços e oferecer streaming de vídeo, podcasts populares, programas de televisão, entre outros formatos de mídia.
Share this article
 
Copyright © 2014 BLOG DO RICKY • Some Rights Reserved.
Template Design by RICKY MEDEIROS • Powered by Blogger
back to top