quarta-feira, 14 de outubro de 2015

Saiba mais sobre os tipos de Whey Protein

O leite é formado por duas proteínas, sendo uma delas exatamente o whey protein (a outra é a caseína, que forma cerca de 80% do total das proteínas do leite e se caracteriza por possuir uma digestão lenta). Durante o processo de fabricação do queijo, o soro do leite é filtrado, sendo separado da caseína (a parte que coagula e forma o queijo propriamente dito). Esse soro restante passa por um processo para remover todas as demais proteínas que não sejam do tipo “whey”, e através de uma série de filtragens obtém-se o que chamamos de whey protein. – Concentrado Embora não contenha mais caseína, esse whey ainda contém gorduras e carboidratos. A esse tipo de produto dá-se o nome de whey concentrado. É o whey mais comum e também o mais barato entre os três principais tipos de whey, e se caracteriza pela menor concentração de proteínas (70-80%) e um alto teor de lactose. – Isolado Através de outras etapas de processamento, a lactose, gordura e demais componentes não proteicos são eliminados do whey, e o produto final é o que conhecemos como whey protein isolado. É um ótimo produto para quem busca mais proteínas e uma absorção mais rápida que a do whey concentrado, mas não quer gastar tanto com o whey hidrolisado. – Hidrolisado Podemos dizer que o whey hidrolisado é um tipo de whey pré-digerido, que passou por um processo que torna a absorção da proteína do leite ainda mais rápida e eficiente. É o whey mais caro do mercado e pode ser utilizado por quem tem dificuldade para digerir proteínas ou necessita de aminoácidos de maneira quase que imediata na circulação. Vantagens do Whey protein isolado em relação ao concentrado Como o whey hidrolisado é pouco utilizado e seu valor é muito alto para ser consumido regularmente, vamos comparar os dois tipos de whey mais consumidos na atualidade. – Definição muscular O Whey protein isolado é uma ótima alternativa para quem procura definição muscular ao mesmo tempo em que reduz as taxas de gordura corporal. Já o whey concentrado contém carboidratos e gordura, que podem dificultar a diminuição das medidas e o controle de peso, dependendo da dieta da pessoa. – Ausência de lactose Aqueles que possuem intolerância à lactose ou estão tentando diminuir o consumo do açúcar do leite também encontram no whey protein isolado uma maneira de consumir proteínas de alto valor biológico sem precisar sofrer com desconfortos gastrointestinais. Como já vimos, o whey concentrado ainda contém um alto teor de lactose, o que pode causar desde gases até fortes cólicas abdominais e diarreia. – Alto teor de proteínas de rápida absorção Quando comparado ao whey concentrado, o isolado tem a vantagem de possuir uma concentração muito maior de proteínas e estar são de rápida absorção, ideais para treinos muito intensos. Enquanto um scoop de whey concentrado fornece, em média, 23 g de proteína por porção de 33 g, essa dose é de 24 gramas por porção de 28g no whey isolado. – Emagrecimento Por último, o whey protein isolado é uma boa opção para quem está fazendo dieta e precisa restringir o consumo de carboidratos e gorduras. Já o whey concentrado possui maior concentração de carboidratos e lipídios. O 100% Whey Optimum Gold Standard, por exemplo, que tem sido considerado um dos melhores whey do mundo já algum tempo, contém 3 g de carboidratos por porção (de 30g). Para quem consome dois shakes de whey ao dia, isso significa 6 gramas de carboidratos a mais na dieta – o que não é exatamente muito, mas pode dificultar a entrada em cetose para quem realmente quer fazer uma dieta low carb. Contras Já as desvantagens do whey protein isolado ficam por conta do sabor (que tende a ser mais suave exatamente pela ausência de ácidos graxos e açúcar) e do preço, que como veremos adiante é maior que 0 do whey concentrado. Para que Serve o Whey Protein Isolado? De maneira simplificada, podemos dizer que o whey isolado serve para nutrir as células musculares que foram lesadas durante o treino, facilitando o ganho de massa magra. Os aminoácidos do whey isolado também servem para manter o tecido muscular já existente, combatendo os efeitos negativos do catabolismo. Quando absorvido no intestino, o whey fica rapidamente disponível na corrente sanguínea, e de lá segue para o tecido muscular, onde, com o auxílio da glicose, irá entrar nas células e estimular a síntese de novas proteínas. A grande concentração de proteínas de alto valor biológico e sua rápida absorção garantem um excelente aproveitamento dos aminoácidos do whey protein isolado pelas fibras musculares. Isso significa que o seu custo benefício é muito bom, já que você estará realmente aproveitando todos os aminoácidos fornecidos pelo suplemento. Benefícios do Whey Protein Isolado Confira algumas das propriedades do whey protein isolado: Aumenta a síntese de proteínas; Estimula a queima de gorduras; Fortalece o sistema imunológico; Diminui os níveis de LDL (colesterol ruim); Melhora a sensibilidade à insulina; Aumenta a saciedade; Diminui os efeitos do cortisol (hormônio que pode causar catabolismo); Estimula a produção de glutationa (um poderoso antioxidante). Recentes pesquisas sugerem ainda que o whey protein auxilia na prevenção de alguns tipos de câncer, principalmente o de mama. Whey Protein Isolado para Emagrecer Nem todos que tomam o whey isolado estão à procura da hipertrofia muscular; muitas pessoas utilizam o whey como um apoio à dieta para perda de peso. Se você está nesse grupo, muito provavelmente já deve ter se perguntando se realmente o whey protein isolado ajuda a emagrecer. A resposta é sim, pois ao contrário do whey concentrado, o isolado não contém gorduras e carboidratos, o que facilita o controle das calorias na dieta. Além disso, as proteínas trazem mais saciedade, o que vai manter a fome longe por mais tempo. O whey isolado não causa grandes variações nas taxas de açúcar no sangue. Isso se traduz em uma menor ação da insulina, hormônio que pode estimular o apetite, reduzir o metabolismo e facilitar o armazenamento de gordura na região abdominal. Só não vale comer de tudo e acrescentar o whey à dieta esperando emagrecer por tabela. Como o nome já diz, o whey protein isolado é um suplemento, e deve ser consumido em combinação com uma dieta balanceada e a prática de exercícios. Como Tomar o Whey Protein Isolado? O preço do whey isolado não justifica sua utilização diversas vezes ao dia, como antes de dormir e ao acordar. Para aqueles que querem obter todos os benefícios do whey protein isolado sem precisar gastar muito, o melhor horário para tomá-lo é logo após o treino. Isso porque esse é exatamente o momento em que você mais necessita de uma alta concentração de aminoácidos na corrente sanguínea, pois seus músculos estão à espera de nutrientes para começar o longo e demorado processo de reconstrução e crescimento. Estudos indicam que podem existir benefícios no consumo do whey protein isolado com caseína no pós treino, mas deixar o leite de lado e optar pela água pode ser uma boa opção para garantir uma absorção mais rápida dos aminoácidos. Portanto, a melhor maneira de tomar o whey protein isolado no pós treino é com água ou uma fonte de carboidrato simples, como um suco de fruta. Nada impede, no entanto, que você o utilize em outros momentos do dia, como antes do treino ou para complementar sua ingestão diária de proteínas. Efeitos Colaterais O whey protein isolado não costuma causar efeitos colaterais mais sérios em pessoas que se exercitam e utilizam o suplemento de maneira adequada. O consumo excessivo de proteínas pode, no entanto, sobrecarregar a função renal e hepática de pessoas que já tenham histórico de problemas nos rins e no fígado. Fontes: UOL e Mundo Boa Forma
Share this article
 
Copyright © 2014 BLOG DO RICKY • Some Rights Reserved.
Template Design by RICKY MEDEIROS • Powered by Blogger
back to top