quarta-feira, 24 de dezembro de 2014

Saiba mais sobre o Mercado mundial do Fitness

Nos EUA e Canadá mais de 56 milhões de pessoas, ou 10,2% da população, frequentam academias de fitness (50,2 milhões deles só nos EUA), o que faz com que o mercado norte-americano seja o maior do mundo. Monetariamente falando, este mercado é responsável por um terço de todo o valor comercializado. O número de academias nos Estados Unidos (30.500) é quase igual ao número de academias de toda a Europa (46.000), sendo que mais de 14% da população norte-americana as frequenta regularmente, o que também constitui um recorde mundial. Embora o número médio de pessoas que pratiquem musculação na América do Sul seja de apenas 3,6%, a situação varia muito de país para país. Por exemplo, no Brasil funcionam mais de 24.000 academias, tornando este país o segundo maior mercado do mundo. Os países mais atléticos da América Latina são o México (2,8 milhões de pessoas praticando musculação, 7.800 academias) e a Argentina (2,3 milhões, 6.600 academias). Valores semelhantes têm a Colômbia e o Chile – com meio milhão de pessoas praticando musculação em 1.500 academias. Dada a situação econômica e política dos países africanos, não é de estranhar que apenas 0,2% da população deste continente pratique regularmente musculação. A estatística total fala de 2,5 milhões de pessoas, a maioria delas na África do Sul. É importante notar que a economia da África do Sul está se desenvolvendo rapidamente e que o interesse em musculação, atividade física no geral e estilo de vida saudável entre a população deste país não para de crescer – é precisamente aí que a revista Men’s Health tem um registro de tiragem recorde. No total, em todos os países europeus e Rússia existem 46.000 academias, com 42 milhões de pessoas praticando musculação (5,1% da população total). Mas é claro que a situação é totalmente diferente entre os países da Europa Ocidental e Oriental. Os principais mercados europeus são a Alemanha (7,9 milhões de praticantes, 7.600 academias), Reino Unido (7,6 milhões, 5.900 academias), Espanha (6,4 milhões, 4.600 academias) e Itália (4,2 milhões, 6.000 academias). A Rússia tem 1,7 milhões de praticantes com um número de 3.300 academias. Entre a vasta população da Índia e da China, com um total superior a 2,5 bilhões de pessoas, não mais do que 4 milhões fazem musculação regularmente, isto é, apenas 0,16%, sendo que cerca de um milhão dessas pessoas que frequentam a academia vive no território de Hong Kong. No entanto, a situação geral do crescimento das academias de fitness no Japão e na Coréia do Sul está perto da europeia: no Japão 4 milhões de pessoas frequentam as 3.500 academias existentes no país e na Coreia do Sul – 4 milhões de pessoas frequentam 6.800 academias (para comparação, em toda a Índia existem apenas 1200 academias). Oceania A Austrália e Nova Zelândia estão entre os países mais esportistas do mundo. Na Austrália 1,9 milhões de pessoas (8% da população) frequenta regularmente a academia e na Nova Zelândia – 0,5 milhões (12,5% da população total). Juntos, estes dois países possuem 3.100 academias. É importante notar que a Austrália e a Nova Zelândia são dos países mais rigorosos do planeta no que se refere às leis de proibição de fumar (é proibido fumar mesmo na rua), o que indica a verdadeira preocupação com a saúde da população por parte do governo. Os 10 maiores mercados de fitness e musculação Número de academias de fitness Sócios de academias de fitness, milhões / / / 1. EUA 30 500 50.2 2. Brasil 24 000 7.0 3. México 7 800 2.8 4. Alemanha 7 600 7.9 5. Coreia do Sul 6 800 4.0 6. Argentina 6 600 2.3 7. Canadá 6 200 5.6 8. Itália 6 000 4.2 9. Grã-Bretanha 5 900 7.6 10. Espanha 4 600 6.4 / / / Total mundial 153 000 131.7
Share this article
 
Copyright © 2014 BLOG DO RICKY • Some Rights Reserved.
Template Design by RICKY MEDEIROS • Powered by Blogger
back to top