segunda-feira, 19 de maio de 2014

Entretenimento: André Martinelli revela para o MJOURNAL seus spots preferidos em Nova Iorque

André Martinelli revela com exclusividade para o MJOURNAL seus spots preferidos em Nova Iorque. “Muita gente pode dizer que é “programa de turista” (e é mesmo), mas pra mim, uma visita ao alto do Empire State Building é obrigatório. Lá de cima, você consegue ver toda a ilha de Manhattan e todas as cidades a sua volta, é realmente um visual incrível! Na lista de lugares imperdíveis também está a Times Square, que é grandiosa tanto de dia quanto de noite. Você fica perdido com todas aquelas luzes disputando a sua atenção. Visitar a Times Square é certeza de momentos inesquecíveis. Ali você encontra algumas das maiores lojas do mundo, além das inúmeras opções de programas culturais como assistir um dos muitos musicais em cartaz. Uma dica: Debaixo da escada vermelha de Times Square fica um guichê chamado TKTS. Lá, você pode comprar ingressos para peças e musicais com 50% de desconto. Depois do teatro, você pode fazer um lanche no Shake Shack. Se é pra chutar o balde, lá é o melhor lugar. Você pode comer um double cheeseburger, com batata frita (pede para acrescentar cheddar!) e um delicioso milk shake. Lá, tudo é orgânico, mas não se engane: tudo engorda! Não deixe de visitar os museus. Se você está viajando com pouca grana, aproveite que aos domingos é de graça. Meus preferidos são o MoMA e o Metropolitan. O Museu de História Natural também é muito bacana. Um passeio pelo Central Park faz você esquecer que está na maior metrópole do mundo. É tão grande, a natureza é tão abundante, o astral é tão bom. Enfim, é ótimo lugar para descansar se divertir e pegar sol. Não deixe de visitar o Zoológico que fica dentro do Central Park onde entre outros animais, vemos os incríveis ursos polares. Vale também passear pela 5th Ave e pela Madison Ave, onde ficam as lojas mais luxuosas de Nova York. Não tenha medo de entrar, pois lá, todos são benvindos. Indico especialmente uma visita à FAO Schwartz (uma loja de brinquedos enorme, onde foi filmado “Quero Ser Grande”) e a loja da Tiffanny & Co., que apesar de ser uma joalheira de luxo, sempre tem uma opção mais acessível para presentear a sua princesa! Um programa muito legal é visitar a Estátua da Liberdade, um dos grandes símbolos dos EUA. Obs.: não fui ainda! (risos) Agora vamos falar de comida! Gosto de bater perna, tomar café e fazer aquele famoso brunch de fim-de-semana. Pertinho da Union Square tem um lugar chamado Eataly, que é um grande espaço com vários tipos de restaurantes, um mais gostoso que o outro! Aliás, todos os Domingos rola uma feira de produtos orgânicos ali na Union Square. Vale a pena conhecer. Acho aquela região muito divertida, de vez em quando tem show de artistas de rua, grupos de teatro, vige de primeira e é sempre recomendado deixar uma gorjeta (TIP), pois eles vivem disso. No quesito compras, gosto de descer a Broadway Ave e fazer compras em lojas como Armani, All Saints e QuickSilver (todas na altura do SoHo). Mas você também pode ir para downtown e visitar o Century 21, que é uma grande ponta de estoque, onde podemos encontrar roupas das melhores marcas com descontos de até 90%! Aliás, esta loja fica em frente ao World Trade Center e suas novas e impressionantes torres. Se o seu orçamento permitir, vale a pena almoçar ou jantar no Cipriani que tem uma comida excelente e ainda rola uma balada top. Lá você toma o melhor Belini de Nova York. Sem sombras de dúvida meu bairro preferido é o East Village onde existe muitos lugares para tomar café. O meu preferido é o Orlin, localizado da 2nd Ave com a 8th Street. Não é um lugar super badalado, mas eles tem um falafel top e um excelente steak and eggs. Ali, consigo regular minha alimentação com uma dieta balanceada. Como gosto de cuidar da saúde sempre passo também em lojas de sucos, parecidas com essas que tem no Rio. Uma das mais top é a Juice Press, com várias versões de suco verde. Tem que estar com a saúde em alta pra aguentar o pique de visitar todos esses lugares, né! Não deixe de visitar o Highline, que é um parque suspenso, construído em cima de uma linha de trens desativada. Além de ser um passeio delicioso, é um exemplo de bom aproveitamento do espaço urbano! Bom, gente, essa é apenas uma parte do meu roteiro de Nova York, uma cidade onde é possível se divertir muito com pouco dinheiro. Eu por exemplo, gosto mesmo é de pegar o meu skate e rodar sem destino. Assim, descubro lugares, aprecio a beleza da arquitetura, das pessoas e me sinto parte dessa cidade.” André Martinelli Fonte: MJOURNAL FOTOS PAWEL WOZNICKI STYLING CLESSI CARDOSO
Share this article
 
Copyright © 2014 BLOG DO RICKY • Some Rights Reserved.
Template Design by RICKY MEDEIROS • Powered by Blogger
back to top